A fotografia exerce um papel muito importante na decoração. Ainda mais quando temos um trabalho elaborado como este feito por Alvaro Póvoa.

“Minha experiência do mundo é organizada por minha vontade de sobreviver e por meu interesse particular: vejo o mundo só de minha janela. É só quando amo que consigo olhar, ao mesmo tempo, por duas janelas que não se confundem, a minha e a de meu amado. A estranha experiência ótica faz com que os amantes reconstruam o mundo, enxergando coisas que ficam escondidas para quem só sabe olhar por uma janela”.  Alain Badiou (filósofo francês) por Contardo Calligaris.

Inspirado por este e também por outros artigos de Calligaris, Alvaro Póvoa descreve a própria percepção diante da seção de fotos intitulada “Paris des Encontres”:

“… construo imagens duplas que se “unem” no tempo e espaço neste caminhar de encontros ou“des_encontres” de pontos de vista, perspectivas, passagens e lembranças. A cada passo, a cada instante, mesmo em um abraço amoroso, cada um de nós tem uma visão, um olhar, “uma janela” por onde nossos sentidos, nossos sentimentos são tocados. Da experiência de “unir” as janelas com suas diferenças, ou sutis semelhanças, se desenha a possibilidade de uma união com um novo olhar que resulta em outro quadro, nesta cidade que é um pretexto de um lugar perfeito para amantes que querem reconstruir seus mundos, juntos, enxergando ao mesmo tempo por suas, agora, duas janelas.”

Alvaro Póvoa, fotógrafo

 

Marília Veiga é especializada em Decoração de interiores há mais de 30 anos. Possui um grande portfólio de projetos  residenciais, comerciais e empreendimentos imobiliários.  Acompanhe as tendências mundiais da decoração no blog da Marília Veiga.