almofadas na decoração marilia veiga

Você sabe o que faz um designer de interiores ? Essa é uma questão que muitas pessoas me perguntam.

Decorador ou Designer qual a diferença?

Qual é o termo mais correto?  O próprio nome designer de interiores é algo recente. Antigamente as pessoas tratavam o profissional de interiores por decorador. Não que o termo decorador ou decoração esteja errado, mas no meu entender, não  representa por completo a profissão. Na minha opinião a decoração é uma parte do trabalho, mas existe toda uma preparação para se chegar nessa etapa.

O Designer de interiores é o profissional que cuida dos espaços internos, tanto residenciais como corporativos. Tem uma visão ampla não somente focado na estética, mas num conjunto de elementos. Tamanho, ergonomia, proporção, cores entre outros.

Nosso trabalho pode ser dividido em duas etapas principais, planejamento e execução. Colocando desta forma parece algo bem simples, mas não é. Nós chamamos de projeto e gerenciamento.

O que entendemos por Projeto?

O projeto se refere a toda a parte das ideias e soluções baseadas nas necessidades especificas de cada cliente. É o conceito e a sua representação técnica. Ele é representado por plantas, memoriais, referencias, esquemas, 3Ds, etc. O projeto é algo fundamental em qualquer ação, e na nossa área não é diferente.  O projeto inclui diversos estudos de elementos diferentes dentro dos ambientes. Quase sempre nasce através de uma planta de Layout, onde determinamos a função ( nome ) de cada ambiente e a posição e tamanho dos móveis. Depois são detalhados demais itens que influenciam na execução, falarei deles mais para frente.

o que faz um designer de interiores

Planta Baixa de Layout a alma do projeto

Através do projeto é que podemos tomar orçamentos, fazer escolhas em termos de proporção, cor e materiais. É como se fosse um mapa que mostra onde queremos chegar.

Nos dias de hoje utilizamos de recursos 3D para visualizar o resultado e perceber se existe alguma interferência. É uma forma de ir sentindo como o ambiente ira se tornar.

 

Um exemplo de 3D, o projeto vai ganhando forma.

 

Breafing do projeto

A primeira coisa que precisamos fazer ao começar um projeto é entender o que o cliente quer. O “briefing” ,como é chamado em alguns mercados. Esta parte é de suma importância, pois resultara nos primeiros estudos do projeto.

Nem sempre o cliente sabe especificar o que ele quer. Às vezes ele diz querer uma casa bonita, ou um espaço funcional. Nós vamos a fundo buscando compreender as coisas que são importantes para a pessoa, suas referencias, seus costumes, seus gostos. É quase um trabalho de psicologia.

Muitas vezes o projeto é para uma família. Então é importante entende-los como indivíduos e como um grupo. Exemplo: Se vamos projetar o quarto do filho de um casal podemos fazê-lo, mas voltado a ele. Quando fazemos um Home Theater pensamos no uso da família. Que tipo de piso a família gosta, ou qual não gosta.

 

O que compõe o projeto de Design de interiores?

Como disse acima começamos pelo estudo do layout, cada um dos ambientes, suas funções, a posição, tamanho e quantidade dos moveis. Detalhamos os pontos de elétrica, com tomada, rede, antena, telefone, automação, ar-condicionado e tudo mais que demandar infra-estrutura. Também é estudado os pontos de iluminação, o forro e seus detalhes, o piso, tanto o material como a paginação, qualquer detalhe como uma janela. A parte de revestimentos de banheiros, como pastilhas, nichos, bancadas, etc. Na parte de marcenaria também tanto na planejada quanto na customizada. Em resumo o projeto desenha tudo e da as especificações, como por exemplo a cor da parede. Tudo visando a precisão nos orçamentos e principalmente na execução.

Apenas para completar temos por habito nunca começar uma execução se saber ao certo o custo de todos os serviços e produtos.

Um outro exemplo de detalhamento é a parte do esquema de cores quando é definido as cores do projeto.

Abaixo um esquema de cores que mostra os tecidos, cores e materiais que serão usados no projeto.

o que faz um designer de interiores

Esquema de Cores

 

 

Abaixo um Home Theater com painel estantes e portas de correr. Marcenaria deixa o projeto singular.

decoraçao de Home Theater

Marcenarias são elementos funcionais e belos.

O que é o Gerenciamento?

O gerenciamento, ou acompanhamento,  é a parte onde o que foi planejado (projetado) precisa se tornar real. Envolve etapas como escolha de fornecedores, tomada de orçamentos, visitas à obra, escolha de amostras, controle do cronograma, visitas as lojas de mobiliários, entre diversas outras tarefas chegando na produção, ou decoração.

É a parte mais humana do processo onde a equipe precisa interagir e controlar todas as etapas, dando respostas rápidas para as dúvidas e situações de obra.

O gerenciamento é tão ou mais importante, pois é cuidar para que o projetado seja bem feito, dentro de um prazo e de uma verba aprovada. Os serviços são interdependentes e precisam estar bem coordenados em suas etapas.

A decoração aparece no final, mas para chegar nela foi necessário muito trabalho. Quase sempre existe uma reforma, a instalação de materiais com alterações de iluminação e pontos de elétrica. A Marcenaria acaba entrando depois e dai vem a parte mais solta, com moveis, tapetes, cortinas e objetos.

Tudo bem pensado e coordenado é que da aquele resultado onde você olha o ambiente e se sente bem nele.

 

O que faz um designer de Interiores? Muito mais do que colocar um quadro na parede!

Então, quando alguém perguntar o que faz um designer de interiores, você saberá que  não é apenas uma pessoa que coloca a flor no vaso e o quadro na parede. É sim o profissional que busca a melhor interação entre as pessoas e seus espaços. Entendendo o uso e criando as soluções para que esta relação seja a mais harmônica possível. São pessoas que valorizam cada detalhe transformando os ambientes em algo singular e especial.

Para mim os espaços tem que ter três coisas principais: sensações, aconchego e identidade.

Para demostrar esta preocupação, separei algumas fotos de detalhes de nossos projetos.

Esta precisando reformar e decorar?  Faça um contato e conheça mais de nosso método de trabalho.

Marília Veiga é designer de interiores há mais de 30 anos. Possui um amplo portfolio de projetos realizados no Brasil e exterior.  Siga as tendencias do design, arquitetura e decoração no blog da Marília Veiga