Vamos falar um pouco sobre as mulheres na arquitetura e design e como ao longo dos anos elas vem tentando ganhar mais protagonismo na história. Vivemos em uma sociedade controlada por homens na qual gradualmente, ao longo dos anos, as mulheres vem tentando encontrar o seu espaço. Na arquitetura e design não seria diferente. Existe uma visível desigualdade de gênero e falta de reconhecimento e divulgação de arquitetas competentes, porém desprestigiadas pela história.

Grandes nomes tiveram pares femininos

Muitos conhecem grandes arquitetos como Le Corbusier, Ludwig Mies van der Rohe e Louis Kahn. O que alguns não sabem é que muitas vezes eles tinham pares femininos levando o projeto junto com eles.

Desde o final de 1800 algumas mulheres já tentavam iniciar o rompimento dessas barreiras e começaram a ampliar a presença feminina na arquitetura nessa sociedade até então profundamente patriarcal, mas mesmo assim até hoje seus nomes são pouco conhecidos.

Alguns desses nomes dessas mulheres pioneiras, são Marion Mahony Griffin, nascida em 1871 nos EUA, uma das primeiras mulheres do mundo a tornar-se arquiteta pelo MIT e a primeira mulher a ser contratada no escritório de Frank Lloyd Wright.

 

Marion Mahony Griffin

 

Julia Morgan, nascida em 1872 nos EUA, primeira mulher a entrar na faculdade École des Beaux-Arts e a exercer arquitetura com seu próprio escritório nos Estados Unidos. Lilly Reich, nascida em 1885 em Berlin, foi uma das mulheres que ajudou muito Mies Van der Rohe na área de design de interiores, além de trabalhar como designer de moda e de mobiliário e se tornou primeira diretora em 1920 do Deutscher Werkbund.

 

 

 

Lilly Reich

 

Julia Morgan

Margarete Shutte-Lhotzky, nascida em 1897 na Áustria, arquiteta responsável pelo projeto da famosa cozinha de Frankfurt. Sophia Hayden Bennet, nascida em 1868 no Chile, arquiteta graduada pelo MIT em 1890 que ganhou o concurso do Edifício da Mulher em Chicago e que sofreu imenso preconceito machista e quase não pôde trabalhar na sua área. Norma Merrick Sklarek, nascida em 1926 nos EUA, primeira afro-americana a se graduar em arquitetura pela Universidade de Columbia e a tornar-se membro do Instituto Americano de Arquitetos (AIA).

 

Margarete Shutte-Lhotzky

 

Norma Merrick Sklarek

 

Sophia Hayden Bennet

Seguindo a lista temos algumas mulheres um pouco mais conhecidas como Charlotte Perriand, nascida em 1903 na França, se formou pela Escole de L’Union Centrale de Arts Decoratifs, em Paris e é conhecida principalmente pelo seu trabalho com o arquiteto Le Corbusier na criação da icônica Chaise Longue, originalmente denominada LC4.

 

Chaise Longue-Charlotte Perriand

 

 

Charlotte Perriand

 

Ray Eames, nascida em 1912 nos EUA, foi responsável por inovações no campo da arquitetura, design de móveis, design industrial, e artes fotográficas. Ficou muito conhecida por projetar junto com seu marido Charles Eames a também icônica poltrona Charles Eames.

 

Poltrona Charles Eames – Ray Eames

 

Ray Eames

 

 

Lina Bo Bardi, nascida em 1914 na Itália, se formou na Escola de Arquitetura de Roma em 1939. Lina passou a maior parte de sua vida profissional no Brasil, vindo a naturalizar-se brasileira e suas obras mais reconhecidas são a Casa de Vidro em São Paulo e o Museu de Arte de São Paulo (MASP).

Casa de vidro-Lina Bo Bardi

 

Lina Bo Bardi

 

 

 

Zaha Hadid, nascida em 1950 no Iraque, se formou pela Architectural Association School of Architecture’s, em Londres e tornou-se membro do OMA junto com o arquiteto Rem Koolhaas. Zaha foi reconhecida mundialmente pelo seu design não linear, curvo, traços orgânicos com muitas formas e sempre inspirado na natureza, foi a primeira mulher a receber o prêmio Pritzker em 2004 e a medalha de ouro do Royal Institute of British Architects em 2015.

 

Heydar Aliyev Center – Zaha Hadid

 

Zaha Hadid

 

 

 

Sejima Kazuyo, nascida em 1956 no Japão, se formou na Universidade de Mulheres do Japão e em 1995 fundou  a empresa SANAA. Foi nomeada Diretora do Setor de Arquitetura da Bienal de Veneza e em 2010 foi premiada com o Prêmio Pritzker.

 

 

rolex learning center – Sejima Kazuyo

 

Sejima Kazuyo

Designers renomadas da atualidade

 

Patricia Urquiola, nascida em 1961 na Espanha, se formou na Universidade Politécnica de Milão em 1989 e em 2001 ela abriu seu próprio estúdio de design de produto, exposições e arquitetura.

Cassina por Patricia Urquiola

 

mulheres na arquitetura e design

Marília Veiga e Patricia Urquiola

 

Paola Lenti, nascida na Itália se formou na Universidade Politécnica de Milão e começou a trabalhar como designer gráfica. Na década de 1940, decidiu começar a produzir suas próprias criações e atualmente sua marca é uma referência internacional no mundo do design.

 

Espaço Paola Lenti em Milão 2019

 

mulheres na arquitetura e design

Marília Veiga e Paola Lenti

 

A Marília Veiga interiores é uma empresa que tem na sua equipe mais de 80% de mulheres. Adoramos a sensibilidade, intuição e determinação feminina!

 

Gostou do post? compartilhe

Texto: Texto: Maia Levinbuk Schmiliver

Fotos:

https://www.smow.com/en/manufacturers/cassina/lc-collection/lc4-chaise-longue-chrome-plated-leather-scozia-black.html

(Chaise Lougue – Charlotte Perriand e Le Corbusier)

https://www.archdaily.com.br/br/01-12802/classicos-da-arquitetura-casa-de-vidro-lina-bo-bardi-2/casasbrasileiras-wordpress_1/12802_14278?next_project=no

(Casa de Vidro – Lina Bo Bardi)

https://www.archdaily.com.br/br/01-39985/rolex-learning-center-sanaa

(Rolex Learning Center – Sejima Kazuyo)

https://www.archdaily.com.br/br/01-154169/centro-heydar-aliyev-zaha-hadid-architects

(Centro Heydar Aliyev – Zaha Hadid)

https://www.elare.com.br/poltrona-puff-charles-eames-elare-couro-sintetico-pretop40f40

(Poltrona Charles Eames – Ray e Charles Eames)

 

Marília Veiga atua  há mais de 35 anos como designer de interiores. Possui um estilo de trabalho contemporâneo. Acompanhe o que acontece no mundo da decoração e arquitetura no blog da Marília Veiga.

 

Precisa decorar seu imóvel? Fale com a gente!