Com a chegada do inverno no Brasil, uma opção para fugir do friozinho é programar férias no exterior. Entre tantas escolhas que tal um lugar paradisíaco com uma vista exclusiva do fundo do mar?

Muitos hotéis inovaram nos últimos anos criando experiências exclusivas para seus hospedes, com quartos com teto de vidro para passar uma noite debaixo das estrelas ou paredes de vidro que oferecem vistas incríveis da mãe natureza. Recentemente inaugurado no Manta Resort, na Tanzânia, o Underwater room promete uma estadia especial com vista exclusiva da vida marinha local. É uma espécie de aquário de ponta cabeça, um mundo ao contrário, onde são os cardumes de peixes multicoloridos que espiam nós humanos através de um quarto com paredes de vidro submerso a quatro metros debaixo do nível do mar.

O projeto foi originalmente concebido muito distante das águas exóticas do Oceano Indico, a milhares de quilômetros de distância, para ser mais exato em Estocolmo na Suécia. Tudo teve início no ano 2000, quando o artista Mikal Genberg criou o conceito “Utter Inn” (Utter que em português significa Lontra), um quarto individual que se encontra a três metros abaixo da superfície do Lago Mälaren em Västerås. Seis anos depois, o artista fundou a Genberg Underwater Hotels, com a intenção de criar uma série de Underwater Rooms ao redor do mundo. O primeiro Underwater Room foi inaugurado em novembro de 2013, na ilha de Pemba na Tanzânia no Manta Resort que já possuía outros 16 quartos em terra firme.

Facilmente acessível, o Underwater Room é completamente auto-suficiente, e está dividido em duas partes, a parte submersa e outros dois andares acima do nível da água. Para entrar no quarto a única opção é através de uma escada que dá acesso a parte submersa. O quarto possui uma confortável cama de casal que fornece o ambiente perfeito para assistir a vida no fundo do mar. O deck de madeira no andar de cima está equipado com banheiros e uma área de relax. Os hospedes podem dormir debaixo d’agua ou até mesmo se preferir debaixo das estrelas com o suave movimento e a música do oceano. Olhando para as estrelas será possível ter uma vista incrível do céu livre da poluição e das luzes da cidade, o arquipélago do Zanzibar garante uma vista cristalina com um manto estrelado todas as noites. Luzes posicionadas debaixo de cada janela da parte submersa do quarto, iluminam os arredores criando uma vista de tirar o folego do fundo do oceano, os peixes e criaturas marinhas locais se sentem atraídas das luzes e quando se aproximam parecem brilhar no fundo do mar.

O que garante a tranquilidade do mar é a localização do Underwater Room, situado no chamado Blue Hole, uma barreira de corais com cerca 12 metros de profundidade onde as águas são mais calmas. Enfim completamente isolado, em águas cristalinas o Underwater Room permite que seus hospedes mergulhem em uma profunda experiência com o mundo marinho, diferente de mergulhar com equipamentos e etc, os hóspedes podem realmente viver dentro de um ambiente marinho e experimentar seu ritmo único e suas cores. Uma noite no Underwater Room custa US$ 750, por pessoa.

 

Seguem algumas fotos:

 

[nggallery id=144]

 

Abaixo um video

 

 

Se você gostou deste post,  deixe um comentário ou compartilhe com seus amigos.

Texto: Juliana Brunetti

 

Referência fotos:

fotos  Jesper Anhede, Genberg Art UW Ltd.

 

Marília Veiga  atua há mais de 30 anos como designer de interiores. Possui um estilo de trabalho que valoriza o uso dos ambientes. Seus projetos combinam design e o aconchego. Siga o que acontece no mundo da decoração e arquitetura no blog da Marília Veiga.

 

    Precisa decorar seu imóvel? Fale com a gente!